30 / Outubro / 2013

Prontuário Eletrônico do Paciente indicado como ferramenta tanto para médicos como para gestores

No segundo dia do MV Experience Fórum 2013, o Assessor Estratégico para Gestão Clínico Hospitalar da MV, Dr. Marcello Niek, palestrou sobre a importância do Prontuário Eletrônico do Paciente (PEP) e destacou a intuitividade, flexibilidade e simplicidade como os aspectos essenciais para o seu bom funcionamento.  

O PEP, segundo Niek, transforma fenômenos em indicadores, gerando uma visão Operacional simplificada; Gerencial, na média de atendimento por usuário, por exemplo; Estratégica, quando se faz cruzamentos de informações em diferentes períodos; e Clínica, na medição de números de recorrências de algum fenômeno, por exemplo.

Dessa forma, o faturamento da instituição é impactado de maneira positiva. Alguns exemplos foram mostrados por Niek para evidenciar a constatação de que os ciclos de fechamento das contas médicas decrescem com a implementação do PEP e demonstram desempenho mais regulares, em geral, a partir do terceiro mês – período posterior à adaptação.